7/13/2005

A Love Supreme (Part 2 - Resolution)*


Talvez se ele lhe tivesse tomado a mão, naquela tarde cheia de vento. Talvez compreendesse melhor o momento em que o amor (por ele) a visitou, tão longamente. Ela assustou-se, talvez, com aquele gesto anunciado antes mas não cumprido até ali, até ele. Não consegue explicar. Sentiu a resolução a formar-se dentro. O amor absoluto que sentiu. Deixar o livro para trás. Deixar o corpo para trás. Deixar a cabeça para trás. Deixar o que pensou ser a indiferença para trás.
Talvez se ele tivesse experimentado o amor (por ela). Se ele também tivesse sido visitado, para além daquele momento. Para além de ver nela uma mulher. Com quem beber. Com quem morrer. Mas só ali. Talvez ela ainda pensasse naquele dia. No mesmo sítio. À mesma hora.

(to be continued...)

* John Coltrane (7:22) in ' A Love Supreme'

2 comments:

C.S.A. said...

A visitação... é isso, a ideia de alguém ser visitado, embora experimentar ser visitado não seja a ideia.
Mas este Coltrane (Resolution) a acompanhar este texto deixa-me à espera do que se segue.
Bjo.

Elisa said...

Pode experimentar-se C. Ser visitado. Acho que pode. Mas pode ser-se visitado inesperadamente. De todos os modos, uma experiência, não?
Ora o que se segue é um pouco mais do mesmo. Segue-se, na verdade, a Part 3 - Pursuance e a Part 4 - Psalm.
Beijo