3/26/2006

Fascinating Rhythm*



Imaginem que me encontrei completamente perdida exactamente no meio das cores demasiado vibrantes de um musical dos anos cinquenta. O cabelo, demasiado louro para ser sério, cai-me em cachos demasiado perfeitos. O technicolor acentua-me a cor vermelha, demasiado vermelha para que seja de verdade, da boca. Imaginem que me encontro. Imaginem que há este rapaz, cujo ritmo fascinante me diz que as cores estão todas certas. Que os cachos são mesmos louros. Que a boca é mesmo vermelha. Que se pode dançar para sempre dentro de uma película. Imaginem que me encontro. Completamente. Dentro. De um musical. De onde. Não quero. Sair.

*Ella Fitzgerald (3:21) in 'Ella Fitzgerald Sings The Gershwin Songbook'

8 comments:

BlahBlahBlah said...
This comment has been removed by a blog administrator.
BlahBlahBlah said...

Um dia tenho de aprender a pôr musica no meu blogue...

Elisa said...

Blah, Viva!
Acho que os comentários não estão a ser devidamente actualizados. Recebi por email dois comentários teus que não encontro aqui em lado nenhum. Num deles dizias que já sabias pôr música. É apenas um link que eu te ia mandar por mail. Mas assim sendo, está resolvido. O outro era a letra do Lover Man, certo?
Não entendo o que se passa, mas deve ser provavelmente por estar presa dentro deste musical dos anos cinquenta.

BlahBlahBlah said...

Elisa,

Manda-me o link por email.
Agradeço.

Elisa said...

Blah
Estiveram a reconfiguar-me o computador. Acho que o teu endereço desapareceu no éter. Por favor, poderias escrever-me para o meu email, que está indicado no meu perfil?
Bjo.

BlahBlahBlah said...

Elisa:
TalvezTeEscreva@yahoo.com

Jean Luc Fellini said...

Elisa

Acabei de chegar de uma reunião em Hollywood. Disse maravilhas dos teus passos de dança e eles ficaram encantados. Querem-te meneando a tua alma para lá da sombra dos eclipes. Enfim...perguntaram quem era essa mulher que fazia de um ritmo monótono uma coreografia fascinante. Não tive dúvidas. Concordei de imediato. Vem comigo e com a música e o estrelato será teu...:))

Teu

JLF

Elisa said...

Hum... JLF ... esse nome contem uma mistura explosiva... mas... eu não quero o estrelato. Só a luz de algumas estrelas, à noite.