3/19/2007

Mother Nature's Blues*












Pablo Picasso - Le Printemps

Tudo recomeça. Mesmo o que se perdeu. Os teus olhos, por exemplo. Hão-de recomeçar agora. Como se fossem novos. E por isso, sem medo. Como se fosse outra vez primavera e tudo o que há na natureza recomeçasse a sua dança exuberante. Tudo se re(a)corda. No novo começar.

* Sonny Rollins (11:32) in 'Global Warming'

10 comments:

vbm said...

Gostas da Primavera, Elisa!?

Elisa said...

Não desgosto, Vasco. Embora seja uma pessoa do Inverno... a primavera é sempre como um grande Se... cheio de possibilidades infinitas.
Um beijo e parabéns (atrasadíssimos, mas eu sei que me desculpas)

vbm said...

:)
beijo.

Olha, eu, por mim, de modo e por razões diferentes, adoro cada uma e todas as quatgro estações! :)

Elisa said...

Eu gosto é dos filmes do Rohmer sobre cada uma das 4 estações. De resto, como disse e sabes, julgo eu, prefiro o Inverno :-) mais um beijo para o caminho.
Saudades.

Salsa said...

Nada de promessas, Elisa? O "se" é muito arriscado?

Elisa said...

Não é isso Salsa... o que eu disse é que, exactamente por isso, não desgosto da primavera... por ser esse 'se'... quanto a promessas talvez seja melhor não fazê-las, nunca. Não sei.

Rui Luís Lima said...

olá

se gostas de cinema vem visitar-nos em

www.paixoesedesejos.blogspot.com

todos os dias falamos de um filme diferente

gostámos imenso do teu blogue e do mundo do jazz, descobrimos o jazz já lá vão muitos anos e depois um dia a ECM entrou-nos pela casa dentro, temos saudades das capas de vinil, essas obras de arte perfeita e depois temos esse génio (que adoramos chamado Keith Jarrett) e restante família da ECM, Garbarek, Towner, Weber, Corea, Gismonti, LLoyd e tantos outros, tivemos o "Conference of the Birds" em vinil, adoramos especialmente os dois temas mais curtos.parabéns pelo blogue
um abraço cinéfilo
paula e rui lima

Elisa said...

Obrigada Rui e Paula
pelo menos dois gostos nos unem... o jazz e o cinema.
:-)

maria said...

Olá Elisa,

Felizmente existem os recomeços, as renovações. Ainda bem que a primavera acaba sempre por voltar!

Um beijo.

Elisa said...

Maria :-)) Claro. E nós, com ela.
Um beijo.